Cinco dicas quase zen de como vivenciar a Mostra SP

BANNER-MOSTRA-SP-2013

A 37ª edição da Mostra de Cinema de São Paulo começa nesta sexta-feira (18), com a exibição de 377 filmes de todos os cantos do planeta. Com duas semanas para dar conta de alguma parte dessa sorte de títulos, há quem se empenhe em maratonas sem fim de filmes. Concordo que são raras as oportunidades de ver na tela grande obras que dificilmente chegariam às salas não fosse por iniciativas como essa. Nesse tópico, o Filmes do Chico fez um excelente “Guia sobrevivência na Mostra de Cinema de São Paulo”. Recomendo ler, existem questões práticas essenciais ali.

Mas queria acrescentar algumas outras “dicas”, se me permitem:

1) Cinema é hipnose, imersão, deslumbramento. E alguns filmes não raramente caminham com a gente muitas horas depois dos créditos finais subirem. Em certos momentos, é preciso saber reconhecer que não queremos largar a mão do que acabamos de assistir e, quase que promiscuamente, nos render aos encantos de outras histórias. Portanto, mesmo se você tiver com uma agenda de cinco filmes no dia, saiba identificar quando um deles te demanda uma pausa. A gente já vive correndo o dia inteiro com prazos e metas e tabelas e deadlines. Não precisa ser assim também com o cinema.

2) Nenhuma boa mostra de cinema seria uma boa mostra de cinema não fossem… os filmes? Resposta E…rrada. As boas mostras de cinema só assim o são por causa das pessoas. A de São Paulo então é uma oportunidade única de encontrar conhecidos de edições anteriores e desconhecidos que se tornarão conhecidos nas edições vindouras. Portanto, além de agendar sua tabela de filmes, tente marcar também encontros com essas pessoas. Pode ser um cafezinho antes daquela badalada sessão no Cinesesc ou uma cerveja após aquela última e cansativa sessão da meia noite. Porque tão bom quanto assistir a filmes é falar sobre eles.

3) Sei que é chover no molhado, mas por favor, não fiquem mexendo no celular durante a sessão, não conversem em voz alta e não joguem Sudoku no tablet no meio do filme (juro por tudo no mundo que essa última experiência eu testemunhei na Mostra do ano passado. Não precisa dizer que a briga gerada em função disso acabou completamente com a apreciação do filme exibido).

4) Não entrem em pânico com as constantes alterações de programação. Respirem e vejam o que é possível fazer.

5) E por fim, mas não menos importante: alonguem-se.

E boa 37ª edição da Mostra de Cinema de São Paulo para todos.

Anúncios

Uma resposta em “Cinco dicas quase zen de como vivenciar a Mostra SP

  1. Façam xixi entre as sessões, se hidratem, usem sapatos confortáveis, desistam de um filme para absorver o anterior, conversem com os desconhecidos na fila, troque idéias, tome um café rsrsrs Aí, como queria estar aí!

comente-me camaleoa

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s